Trinta e nove equipes buscam título do Festival Paranaense de Handebol em Astorga

Uma das maiores edições do Festival Paranaense de Handebol começa nesta sexta-feira (30), em Astorga. Promovido pela Liga de Handebol do Paraná (LHPR), a competição terá a participação de 39 equipes, representando os municípios de Alto Paraná, Arapongas, Cambé, Cascavel, Campo Mourão, Curitiba, Goioerê, Guarapuava, Jussara, Sarandi, Mandaguaçu, Marialva, Maringá, Palmeira, Ponta Grossa, Uraí, além da cidade-sede.
 
Realizado nas categorias sub-10 e sub-12, feminino e masculino, participam do evento aproximadamente 700 pessoas, entre atletas, técnicos, dirigentes esportivos, arbitragem e equipe de apoio. Em três dias de disputas serão realizados 86 jogos, 37 a mais que em 2017, números que comprovam à proporção que a competição vem tomando a cada edição.
 
Os confrontos acontecem simultaneamente nos ginásios de esportes do Colégio Estadual Serafim França, da Escola Municipal Amabile Tonetto Pozobom e no Complexo Esportivo Municipal.
 
Terra da dupla Chitãozinho & Xororó, a Capital da Amizade sedia pela terceira vez uma competição de nível estadual. “Astorga é uma cidade que valoriza muito o esporte, em especial o handebol, presente com equipes em boa parte dos eventos que nós realizamos. A cidade dispõe de boas quadras esportivas para receber competições como do nível das categorias mirim e mini, que a cada ano vem crescendo em número de participações. O comprometimento e o trabalho em equipe é o que torna o handebol do Paraná referência no país”, declarou o presidente da LHPR, Roberto Niero (Pimpão).
 
Quatro equipes representam a cidade-sede na disputa. “É uma oportunidade única para os atletas da casa jogarem dentro de seus domínios. Nosso objetivo é participar e representar bem Astorga, se chegarmos ao pódio será consequência desse trabalho”, disse a técnica e coordenadora local da competição, Marli Damaceno.
 
O prefeito de Astorga, Antônio Carlos Lopes, enalteceu a importância de poder receber o evento. “Ficamos orgulhosos em sediar uma competição deste nível. Colocar à disposição nossa estrutura para trazer o Festival pra nossa cidade é o mínimo que podemos fazer pelo handebol e por estas crianças, que se dedicam o ano todo para estarem competindo”, frisou Lopes. “É uma grande alegria estarmos recebendo essa competição, proporcionando à nossa população um contato mais próximo à modalidade. O handebol é um dos esportes que mais recebe investimento do município e também é o que traz mais resultado. Preparamos todos os palcos das disputas com muito carinho”, complementou o diretor de Esportes, Marcelo Juliani.
 
Em busca do penta
Atuais detentores do título estadual, as seleções masculinas do Colégio Marista Pio XII/Ponta Grossa iniciaram a preparação para o evento em fevereiro, aliando treinos técnicos e táticos com trabalho de coordenação motora e participação em competições, visando uma boa atuação no Paranaense. “Os atletas estão bem animados e ansiosos para o início das partidas, querem entrar em quadra para mostrar tudo o que aprenderam. Queremos apresentar um bom handebol nas quadras de Astorga e se possível trazer o pentacampeonato paranaense sub-10 e sub-12”, ressaltou o técnico Sandro Alves de Lara.
 
 
 
Competindo desde 2005 nos eventos organizados pela LHPR, Sandro afirma que o crescimento dos atletas é muito expressivo, propiciado pelo alto nível das competições. Neste ano, os ponta-grossenses participam com quatro equipes masculinas, sendo duas em cada categoria. “Procuramos levar o máximo de alunos possíveis para a competição. Temos 60 atletas, com idade de 09 a 12 anos, que participam dos treinamentos no colégio, destes 41 irão jogar o Festival”, enfatizou Sandro.
 
O Festival Paranaense de Handebol conta com o apoio da Prefeitura de Astorga, através do Departamento de Esportes, da Federação Internacional de Handebol (IHF), da Confederação Brasileira de Handebol, da Secretaria do Estado do Esporte e do Turismo (SEET) e da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol (APAH).
 
 
Liga de Handebol do Paraná
Assessoria de Comunicação
Jaqueline Galvão
jaquelinefsgalvao@hotmail.com
(45) 9.9139-1005 / (44) 9.9988 6768
Skype: paranahandebol
facebook.com/paranahandebolhpr
Twitter: paranahandebol
Instagram: parana_handebol
 
 
 
Trinta e nove equipes buscam título do Festival Paranaense de Handebol em Astorga
 
Uma das maiores edições do Festival Paranaense de Handebol começa nesta sexta-feira (30), em Astorga. Promovido pela Liga de Handebol do Paraná (LHPR), a competição terá a participação de 39 equipes, representando os municípios de Alto Paraná, Arapongas, Cambé, Cascavel, Campo Mourão, Curitiba, Goioerê, Guarapuava, Jussara, Sarandi, Mandaguaçu, Marialva, Maringá, Palmeira, Ponta Grossa, Uraí, além da cidade-sede.
 
Realizado nas categorias sub-10 e sub-12, feminino e masculino, participam do evento aproximadamente 700 pessoas, entre atletas, técnicos, dirigentes esportivos, arbitragem e equipe de apoio. Em três dias de disputas serão realizados 86 jogos, 37 a mais que em 2017, números que comprovam à proporção que a competição vem tomando a cada edição.
 
Os confrontos acontecem simultaneamente nos ginásios de esportes do Colégio Estadual Serafim França, da Escola Municipal Amabile Tonetto Pozobom e no Complexo Esportivo Municipal.
 
Terra da dupla Chitãozinho & Xororó, a Capital da Amizade sedia pela terceira vez uma competição de nível estadual. “Astorga é uma cidade que valoriza muito o esporte, em especial o handebol, presente com equipes em boa parte dos eventos que nós realizamos. A cidade dispõe de boas quadras esportivas para receber competições como do nível das categorias mirim e mini, que a cada ano vem crescendo em número de participações. O comprometimento e o trabalho em equipe é o que torna o handebol do Paraná referência no país”, declarou o presidente da LHPR, Roberto Niero (Pimpão).
 
Quatro equipes representam a cidade-sede na disputa. “É uma oportunidade única para os atletas da casa jogarem dentro de seus domínios. Nosso objetivo é participar e representar bem Astorga, se chegarmos ao pódio será consequência desse trabalho”, disse a técnica e coordenadora local da competição, Marli Damaceno.
 
Em busca do penta
Atuais detentores do título estadual, as seleções masculinas do Colégio Marista Pio XII/Ponta Grossa iniciaram a preparação para o evento em fevereiro, aliando treinos técnicos e táticos com trabalho de coordenação motora e participação em competições, visando uma boa atuação no Paranaense. “Os atletas estão bem animados e ansiosos para o início das partidas, querem entrar em quadra para mostrar tudo o que aprenderam. Queremos apresentar um bom handebol nas quadras de Astorga e se possível trazer o pentacampeonato paranaense sub-10 e sub-12”, ressaltou o técnico Sandro Alves de Lara.
 
Competindo desde 2005 nos eventos organizados pela LHPR, Sandro afirma que o crescimento dos atletas é muito expressivo, propiciado pelo alto nível das competições. Neste ano, os ponta-grossenses participam com quatro equipes masculinas, sendo duas em cada categoria. “Procuramos levar o máximo de alunos possíveis para a competição. Temos 60 atletas, com idade de 09 a 12 anos, que participam dos treinamentos no colégio, destes 41 irão jogar o Festival”, enfatizou Sandro.
 
O Festival Paranaense de Handebol conta com o apoio da Prefeitura de Astorga, através do Departamento de Esportes, da Federação Internacional de Handebol (IHF), da Confederação Brasileira de Handebol, da Secretaria do Estado do Esporte e do Turismo (SEET) e da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol (APAH).
 
 
Liga de Handebol do Paraná
Assessoria de Comunicação
Jaqueline Galvão
jaquelinefsgalvao@hotmail.com
(45) 9.9139-1005 / (44) 9.9988 6768
Skype: paranahandebol
facebook.com/paranahandebolhpr
Twitter: paranahandebol
Instagram: parana_handebol
www.paranahandebollhpr.com
 
 

Contato

LHPR / PARANÁ HANDEBOL facebook.com/paranahandebolhpr
twitter: paranahandebol
instagram:parana_handebol
flickr: paranahandebol
(44) 99988-6768 parana@paranahandebol.com.br